conteúdo da página

Angular, React e Vue: por que considerá-los no meu projeto?

4 minutos para ler

Atualmente o uso de aplicações web tem se tornado cada vez mais frequente em nossa vida. Seja em redes sociais, sistema de gestão empresarial, e-commerce, bancos digitais ou plataformas de marketplace, o mundo faz cada vez mais uso dessas ferramentas para diversos objetivos.

Negócios se modernizaram, evoluíram e alguns até se tornaram viáveis apenas graças ao advento dessas aplicações. Juntamente com os negócios, o ambiente de desenvolvimento das aplicações web também progrediu rapidamente nos últimos anos.

Com o amadurecimento e aumento da competitividade dos negócios, surge a necessidade de resolver suas demandas por meio de aplicações modernas que sejam rápidas, eficientes e organizadas.

Dentro do desenvolvimento front-end, o Javascript é a linguagem mais utilizada. E nos últimos anos, com o objetivo de acompanhar tanto as mudanças no mundo de negócios quanto no ambiente de desenvolvimento, tornou-se cada vez mais comum o uso de uma importante ferramenta: os frameworks e bibliotecas Javascript. 

Nesse post falaremos dos três mais populares nos dias atuais: Angular, React e Vue.

Entenda o que são essas tecnologias

Para entender melhor, Angular e Vue são frameworks Javascript, enquanto React é uma biblioteca de interfaces de usuário. Os principais aspectos que tornam essas ferramentas tão fortes no desenvolvimento atual são:

 

  • Componentização: Permitem quebrar seu app em componentes menores e reusáveis, mais fáceis de testar, isoláveis e onde mudanças podem refletir facilmente em toda a aplicação.
  • Separação de responsabilidades: Encorajam arquiteturas modulares que fazem boa separação entre arquivos responsáveis pelos controladores e visualizadores das páginas.
  • Velocidade de desenvolvimento: Alguns recursos como a sincronização entre estado e UI além de facilitadores para criações de bundles e realização de deploy agilizam o desenvolvimento.
  • Colaboração: Costumam seguir padrões de design similares, facilitando que novos desenvolvedores compreendam a aplicação.
  • Comunidade: Por serem populares, existe uma grande comunidade que provém suporte à tecnologia com tutoriais, fóruns, meetups e desenvolvedores dispostos a ajudar respondendo perguntas em sites como o StackOverflow.

Além de compartilharem essas características, cada ferramenta também apresenta algumas peculiaridades.

Características do Angular, React e Vue. 

Angular é um framework desenvolvido e mantido pela Google que tem opiniões fortes sobre a arquitetura de uma aplicação. Ele divide o projeto em módulos, componentes e serviços. Também recomenda fortemente que tecnologias como Typescript sejam utilizadas, além de prover extensivos tutoriais sobre melhores práticas ao utilizar funções e classes do framework.

React é uma biblioteca de UI desenvolvida por Jordan Walke e mantida pelo Facebook. Ela conta com opiniões mais leves sobre a estrutura e modelo de desenvolvimento da sua aplicação, e facilita customizações mais avançadas ou padrões de design diferentes. Apesar de ser uma biblioteca, um ecossistema forte de outras bibliotecas já se desenvolveu ao redor dela, sendo possível transformá-la num framework completo com a incorporação deste ecossistema no projeto.

Vue é um framework criado e mantido por um time internacional de desenvolvedores. Ele conta com opiniões leves sobre a arquitetura de sua aplicação, porém mais fortes que no React. Ele conta com bibliotecas adicionais que guiam a arquitetura da aplicação dentro do projeto, e tem um estilo de código que facilita a curva de aprendizado para desenvolvedores Javascript que não trabalhavam com frameworks.

E quando usar essas tecnologias? 

As tecnologias apresentadas acima são muito úteis para a maior parte das aplicações modernas e trazem grandes vantagens. No entanto, isso não quer dizer que elas sejam a melhor escolha para todo e qualquer projeto. 

Algumas destas tecnologias têm curvas de aprendizado longas e possuem recursos que podem ser sofisticados demais para projetos menores. 

Por isso, é preciso analisar qual a natureza e quais os requisitos do projeto para entender se os recursos oferecidos por tais tecnologias trarão os benefícios desejados no desenvolvimento e entrega do mesmo.

Ainda tem dúvidas sobre qual tecnologia é a mais adequada para o seu projeto? Consulte aqui nossa equipe 😉

Posts relacionados

Deixe um comentário